Publicidade

Heartbleed: Linux Foundation cria fundo para segurança

24/04/2014 » Tecnologia » Intermediário
A fundação decidiu criar um fundo com 3,6 mil milhões de dólares para garantir a segurança das infraestruturas essenciais da Net.
 
O bug Heartbleed revelou o quanto a Internet depende de protocolos e software mantidos por programadores que trabalham gratuitamente. Este estado de coisas levou, aliás, Theo de Raadt, fundador do OpenBSD, a afirmar que o não é possível reparar o OpenSSL devido a anos de acumulação de código que não serve para nada, sendo preferível começar de novo.
 
Agora, a Linux Foundation decidiu mudar este estado de coisas com a iniciativa Core Infrastructure. De acordo com o The Verge, as empresas que fazem parte da fundação pretendem gastar dinheiro na infraestrutura crítica da internet para evitar que no futuro surjam problemas tão ou mais graves quanto o Heartbleed.
 
Jim Zemlin, da Linux Foundation, descreve o papel da fundação como “um local para manter o dinheiro” e não como a entidade responsável por decidir onde gastá-lo. Serão os membros, como a Microsoft, Facebook, Intel ou Google, que vão decidir quais os projetos que merecem os fundos. Já há 12 membros que se comprometeram a doar pelo menos 100 mil dólares por ano, durante três anos, o que equivale a um total de 3,6 milhões de dólares.
 
O OpenSSL está, naturalmente, no topo da lista de software que tem de ser corrigido mas não é o único. A iniciativa também refere o PGP, o OpenCryptolab e o ModSSL como potenciais candidatos.
 
 
Fonte: Exame Informática

 

Publicado por:

Rogério Mantoanelli @rmantoanelli
166 artigo(s) publicado(s)
Fundador do site "RogérioMaster", programador web desde 2002, especialista em PHP, jQuery. Comecei a programar server-side no ASP 3.0 e depois migrei para PHP onde estou até hoje. Já me aventurei em Action Script mas o mercado se afunilou muito e me dediquei ao PHP e jQuery.

Avalie esse post:

Comentários:

© Copyright 2018. Todos direitos reservados.