Publicidade

Para onde caminha o malware?

09/09/2014 » Tecnologia » Intermediário
A Kaspersky reuniu hoje a imprensa ibérica em Madrid para apresentar o novo KIS Multi-Dispositivo e mostrar os resultados de um estudo europeu sobre os hábitos e riscos de segurança na Internet, fazendo igualmente uma previsão das principais formas de como o malware vai chegar aos utilizadores no futuro próximo.
 
 
De acordo com Vicente Díaz, analista da Kaspersky Lab, o malware vai focar-se em quatro grandes áreas no futuro próximo: uma migração cada vez maior para os dispositivos móveis; aumento dos ataques a empresas; problemas com os dados armazenados na cloud; e maior incidência de casos de criptomalware, que poderão chegar em força às Smart TVs.
 
Para chegar a estas previsões, Vicente Díaz baseou-se nas conclusões do Relatório Kaspersky Internet Security Multi-Dispositivo na Europa que mostra que, por exemplo, o criptomalware cresceu 900% no último ano e os ataques de malware financeiro subiram 27%.
 
Apesar disso, o analista da Kaspersky revelou que o número de ameaças detetadas em Portugal baixou: dos 18,4% verificados em 2013 para os 14,7% estimados em 2014. No que diz respeito às zonas mais afetadas, elas são, por ordem de número de incidências, Lisboa, Leiria, Madeira, Açores e Porto.
 
A Kaspersky aproveitou igualmente o evento para dar a conhecer o Kaspersky Internet Security (KIS) Multi-Dispositivo 2015, que conta com três grandes novidades: proteção de webcam para assegurar a privacidade; proteção criptomalware para salvaguardar a privacidade e os dados; e notificação de segurança de redes Wi-Fi.
 
Os preços do KIS Multi-Device 2015 são: 39,95€ para um utilizador, 59,95€ para três dispositivos (45,95€ se for uma renovação) e 79,95€ para cinco dispositivos.
 
 
Fonte: Exame Informática

Publicado por:

Rogério Mantoanelli @rmantoanelli
166 artigo(s) publicado(s)
Fundador do site "RogérioMaster", programador web desde 2002, especialista em PHP, jQuery. Comecei a programar server-side no ASP 3.0 e depois migrei para PHP onde estou até hoje. Já me aventurei em Action Script mas o mercado se afunilou muito e me dediquei ao PHP e jQuery.

Avalie esse post:

Comentários:

© Copyright 2018. Todos direitos reservados.