Publicidade

Skybridge, a AMD quer chips ARM para computadores domésticos

06/05/2014 » Tecnologia » Intermediário

Dentro de dois anos, a AMD quer disponibilizar processadores ARM para o segmento doméstico. O objetivo é que os fabricantes possam escolher se querem chips x86 ou ARM, sem terem de mudar outras características

A AMD deve lançar o Project Skybridge a partir de 2015. A empresa pretende disponibilizar uma oferta que combine núcleos x86 e núcleos ARM para o segmento doméstico. Esta plataforma deve usar uma memória em pool unificada para a CPU e para a GPU e ser construída segundo o método de fabrico de 20 nanómetros, explica o ArsTecnica.

Na Skybridge, os chips ARM vão usar a arquitetura Cortex A57 e os x86 devem usar núcleos Puma+. Esta deve também ser a primeira plataforma AMD compatível com Android. A empresa vai usar um design de chips compatível para as duas arquiteturas de forma a que os fabricantes possam escolher x86 ou ARM, sem terem de mudar qualquer outra característica.

Em 2016, a empresa vai lançar uma arquitetura personalizada ARMv8, a "K12" com 64 bits.

O grande objetivo da AMD, com esta aposta, parece ser reduzir a dependência dos chips x86, ao mesmo tempo que abre as possibilidades de receita num segmento atrativo avaliado em 80 mil milhões de dólares.

Fonte: Exame Informática

Publicado por:

Rogério Mantoanelli @rmantoanelli
166 artigo(s) publicado(s)
Fundador do site "RogérioMaster", programador web desde 2002, especialista em PHP, jQuery. Comecei a programar server-side no ASP 3.0 e depois migrei para PHP onde estou até hoje. Já me aventurei em Action Script mas o mercado se afunilou muito e me dediquei ao PHP e jQuery.

Avalie esse post:

Comentários:

© Copyright 2018. Todos direitos reservados.